quarta-feira, 11 de junho de 2014

[TAG] Isso ou Aquilo?

Olá, meus queridos e queridas da blogsfera literária!
Como estão nessa semana? Eu já estou na contagem regressiva para as férias da faculdade, não tem como não ficar feliz! :D
O lado ótimo de ter um baby blog é que tudo é novo. Essa TAG já estava rondando os canais e blogs literários há um tempo, e eu achei simplesmente ótima - um jeito de falar mais sobre o nosso jeitinho booklover de ser. Sem contar o gostinho de nostalgia da época dos cadernos de perguntas e respostas da escola - quem lembra?
São 14 perguntas super fáceis, que eu adorei responder! Vem comigo escolher também!




Começando pelo começo, como já diria a minha avó: quem traduziu a TAG, pelo que consegui pesquisar, foi a Tati Feltrin, do canal Tiny Little Things . O estranho é que não achei o vídeo dela sobre essa TAG específica, será que ela excluiu? Enfim, vi em outros lugares e adorei as respostas, fica aqui as sugestões: blog Com Tudo O Que Sou, canal Tríplice Literária e no canal Minha Estante
Sem mais delongas, vamos às perguntas!

1 - Áudio book ou físico?
R: Livro físico sempre, se for em português! Pra mim nada substitui aquela sensação de pegar o livro na mão, principalmente com cheirinho de novo! Yummy! Ainda mais porque coleciono, então quando vejo um livro que gosto muito na minha estante, fico feliz uma semana; sem contar a empolgação quando chega aquele livro tão desejado! Apesar disso, os áudio books podem ser muito mais incríveis e úteis do que você imagina, pra dar aquela mãozinha na hora de estudar inglês. Sua concentração aumenta e ler e ouvir a palavra ajuda muito na hora de falar mais corretamente. É um projeto a longo prazo que me proponho: em um futuro próximo usar e abusar dos áudio books e melhorar o meu inglês. Façam um teste! Já falei aqui do Projeto Gutemberg, que oferece mais de 45 mil livros para o download grátis (todos com direitos autorais expirados, pode ficar tranquilo que o FBI não vai te prender por isso não! Hahaha). O que eu fiz foi baixar o livro A Arte da Guerra, de Sun Tzu; e baixei o áudio book no librophile.com, um site com a mesma premissa do Projeto Gutenberg, mas com áudio books, na maioria feita por voluntários. Adorei a experiência e pretendo repetir muitas e muitas vezes em breve, uma ótima forma de estudar pra quem ama os livros.

2 - Capa dura ou mole?
R: Capa dura, sempre! As edições são mais bonitas, a qualidade é maior e consequentemente a durabilidade é maior. Pretendo ter os mesmo livros pra sempre! (sonha, Mariana...hahaha). Imagina que tristeza ter que comprar um livro de novo porque o anterior estragou! Eu tenho observado um certo declínio na qualidade do papel dos livros de capa mole, o que me faz gostar deles menos ainda. Mas nunca deixo de comprar um livro por ser de capa mole - a maioria dos livros na minha estante são assim. Por motivo$ de força$ maiore$, sabe como é...

3 - Ficção ou não-ficção?
R: Ficção, quase sempre! Prefiro, na maior parte das vezes, uma ficção meio termo: um pouco de realidade é bom (a menos que seja um nonsense como O Guia dos Mochileiros da Galáxia) e um pouco de ficção é bom, mas nada excessivamente distópico. Achar esse meio termo em doses exatas é o pulo do gato pra mim, mas não é tão difícil quanto parece - O Nome do Vento, As Brumas de Avalon, O Bandolim de Corelli, E O Vento Levou, As Aventuras do Senhor Pickwick, O Hobbit, Uma Mulher de Fibra, dentre outros, são os que eu considero com o meio termo mais perfeito. Algumas não ficções são ótimas, se forem por exemplo biografias de um ídolo ou de fases específicas do meu gosto literário. Na Maratona Literária li a biografia de Abrahan Lincoln e adorei! Também recomendo a dos meus outros ídolos: Slash, Kurt Cobain e Freddie Mercury. Auto ajuda eu detesto, até os que são meio disfarçados, tipo A Cabana. Tem gente que ama o livro, e eu detestei!

4 - Fantasia ou vida real?
R: Fantasia, sempre! É muito raro um livro "vida real" chamar a minha atenção. Mas sou suspeita pra dizer, fantasia é meu gênero favorito de leitura desde sempre 

5-HP ou Crepúsculo?
R: Eu li certa vez, em algum lugar, que "Harry Potter é uma série para crianças que fez sucesso com adultos, e Crepúsculo é uma série para adultos que fez sucesso com crianças." Não faz sentido pra muita gente, mas vejo mais YA em Crepúsculo do que em Harry Potter, na verdade em algumas partes eu ficava até meio chocada por HP não ser um livro adulto, pelo conteúdo emocional do livro. Crepúsculo emociona sim, mas não chega nem perto da capacidade que Harry Potter tem de me fazer sentir o personagem. E por isso, Harry Potter com certeza!

6 - Ebook ou livro físico?
R: Ambos! A praticidade do livro digital é indiscutível, pra mim; principalmente quando é bem formatado para o dispositivo que você está lendo. A praticidade de ler em qualquer lugar, principalmente livros maiores e pra viajar é ótima! O bom mesmo seria ótimo ter os dois, e deixar meus livros físicos protegidos na estante e só ler em casa. Mas se tiver que escolher, sempre escolho o livro físico, porque coleciono e por amo, como já citei na pergunta nº1. Outro porém, é que não tenho um e-reader, tenho um tablet que é uma bosta muito ruim de bateria, de formatação, de tudo. Falando sinceramente, não tenho nenhuma intenção de comprar um e-reader enquanto o preço de um ebook lançamento for R$30,00; acho um absurdo e nesse caso sempre vou optar pelo livro físico, o que faria a compra de um e-reader totalmente desnecessária.

7 - Comprar ou pegar emprestado?
R: Prefiro mesmo é ganhar! Hahaha. Mas quando não é possível - ou seja, quase sempre - eu sempre prefiro comprar. Pelo simples motivo que: eu NÃO empresto livros, então não seria justo pegar emprestado, certo? Daria ao menos a liberdade para a pessoa me pedir e que chato seria falar "não!". Então prefiro comprar, seja em sebo, seja a edição de luxo, seja depois de dez anos que o livro entrou pra minha lista de leituras desejadas.

8 - Livro único ou série?
R: Série, sempre; porque eu leio muito rápido. Explico: "Era uma vez, há muitos e muitos anos atrás, uma pequena gafanhota Mari, nerd viciada em leitura. Um dia, a Mari foi com suas amigas e fez um curso de leitura dinâmica. A Mari nunca mais leu da mesma forma. Fim." Hahaha. Sério gente, o trem funciona que é uma beleza, mas é um tiro no pé, porque quanto mais rápido eu leio, mais rápido eu esqueço. Estudar pra provas, só escrevendo. Coitadinhos dos meus dedinhos :( Li a saga Crepúsculo inteira em dois dias e meio, minha prima tira sarro da minha cara até hoje. Sou a The Flash das traças! HAHAHAHA

9 - Livraria física ou virtual?
R: Quem é que não gostaria de ir à uma livraria física, escolher todos os livros que quisesse e sair carregada de sacolas e super feliz? Todo mundo, uai! E quem é que tem dinheiro pra isso? Eu não tenho, com certeza! Hahaha. Mas ainda pretendo um dia passar pela experiência, assim como eu passei pela experiência de pegar meu último salário e gastar tudo em livros. Foi awesome!! Ri muito. Fiquei sem comprar roupas por três meses :( .Compro na maior parte das vezes em sebo (sejam onlines ou físicos), muitas vezes em livrarias online (especialmente nas promoções!) e pouquíssimas vezes na livraria física, onde é sempre uma dor no coração escolher o livro que vai levar, porque não dá pra levar todos.

10 - Livro longo ou curto?
R: Como já expliquei na pergunta nº8, eu leio muito rápido, então sempre prefiro livros maiores. Livros curtos são ótimos pra ler no final de semana, em um dia só; mas nada me prende mais a atenção do que um livro que me fez esperar até o dia seguinte pra saber o final. Game of Thrones que o diga, a cada fim de capítulo era uma loucura!

11-Drama ou ação?
R: Normalmente, prefiro livros de ação. Leio bastante livros dramáticos também, mas na minha opinião são livros pra serem lidos mais espaçadamente, porque fica muito maçante ler drama toda santa semana. E também sou muito fã de livros que misturam os dois, como Jogos Vorazes ou O Incêndio de Troia, da Marion Zimler Bradley (a mesma autora de As Brumas de Avalon), só pra citar alguns.

12 - Ler no seu canto ou no sol?
R: Ler no meu canto sempre! No meu quarto, na minha cama; só muda o cenário conforme a estação, porque no frio tem que ter muito edredon! Imagina se eu gostasse de ler no sol... leio há 15 anos, são 5.475 dias torrando! [o que caso queiram saber me dá uma média de 23 livros lidos por ano, que é irreal por estamos em junho e eu já li 27!] Se eu pegasse alguma cor e passasse desse branco-Gasparzinho-fantasminha-camarada para um belo bronzeado-cravo-e-canela, tudo bem; mas o fato é eu tenho um bug: tomo sol -> fico vermelha -> fico mais vermelha -> descasco -> volto pro branco-Gasparzinho-fantasminha-camarada. :(

13 - Chocolate quente, café ou chá?
R: Se a minha mãe não estiver olhando, eu prefiro chocolate quente! Hahaha. Ser intolerante a cacau tem dessas coisas, mas eu tomo sim; só nada exagerado. E café é vida, minha gente! Adoro, preto com pouco açúcar, por favor! Chá, detesto, mas bem que me esforço, queria tanto conseguir beber!

14 - Ler resenha ou decidir por si?
R: Não sou muito fã de resenhas, por causa dos malditos spoilers. Tem gente que pensa que, porque decidiu que tal fato não é spoiler, você vai pensar do mesmo jeito. Não, gente!! Essa semana mesmo excluí duas pessoas que estavam soltando spoilers de Game of Thrones no twitter, uma com a desculpa de que "se já passou o episódio, não é mais spoiler". HEIN? Então todo mundo tem que assistir o episódio assim que sair. Bora todo mundo parar de trabalhar, de comer, de sair de casa... Ah pára né gente! E ainda posta: "Quem não quiser spoilers não entra no twitter da hora X até hora X". Dá pra conversar com uma pessoa dessas? Não, né. Solução, unfollow na hora! Outra desculpa, essa pior ainda: "Mas eu já falei que tudo que já foi publicado de Game of Thrones é spoiler". (Nem vou comentar). Adivinha? Unfollow! E só pra deixar claro, eu já li todos os 5 livros de GoT; mas sim, tomei as dores dos outros. Um pouquinho de bom senso não faz mal a ninguém, e no mundo literário, spoiler é a peste bubônica. Por isso que quando encontro algum canal ou blog que resenha sem dar spoilers, contanto só um pouquinho do enredo e mais sobre o que achou do livro, eu acompanho pra sempre. É muito amor! 

Essa foi a TAG de hoje, que tecnicamente era pra ser um post pequeno, e virou essa coisa enorme. Se você chegou até aqui, parabéns! E não deixe de adicionar o blog aos favoritos, dar o like na página do facebook e seguir o canal no YouTube, além de é claro deixar seu comentário me contando o que achou das perguntas e das respostas!

Hoje vou TAGuear três pessoas:
O Thiago, do blog GentleGeek

Se você se sentiu TAGueado também, faça o post e não se esqueça de deixar seu link nos comentários, ok? Beijos nerds e até a próxima ;)