quarta-feira, 10 de junho de 2015

[Resenha] Passarinha - Kathryn Erskine

Oi, gente!
Como vocês estão curtindo o friozinho? Como vocês sabem, eu adoro o calor - mas eu amo mesmo é o inverno . Estou curtindo ainda mais as leituras, debaixo das cobertas e tomando algo bem quentinho! Haha. Espero que vocês também, por que senão, não sabem o que estão perdendo!
Já li 42 livros esse ano, e existem alguns que mais do que merecem uma resenha. Mas tenho como política pessoal postar primeiro os cinco estrelas e/ou favoritos, porque esses são os que realmente vocês tem que passar na frente na lista de leitura.
E Passarinha é um desses livros. Um dos meus favoritos do ano e da vida, uma história linda, uma capa mais linda ainda e muitas, muitas emoções! Ri, chorei, e depois ri e chorei de novo; e terminei a leitura com o coração leve e morrendo de vontade de reler "O Sol é Para Todos".
Um livro infato-juvenil que conquistou meu coração e com certeza vai conquistar o seu também. Vem comigo saber mais sobre essa lindeza!

Passarinha está na minha pilha de leitura há uns bons meses. Vários blogs e vlogs que sigo indicaram a leitura, de um modo geral, mas fugi bravamente das resenhas; como vocês sabem, eu prefiro mergulhar na leitura sabendo o mínimo possível.
Quando finalmente dei uma chance para o livro, me arrependi de não ter lido antes. Me apeguei na personagem principal logo de cara, algo que sempre tenho dificuldade nos livros do gênero, mas é que a Caitlin é uma menina diferente. Ela gosta de ver tudo em preto & branco, porque "cores demais acabam confundindo a cabeça da gente", e não gosta de OLHAR PARA AS PESSOAS no rosto e só faz isso quando percebe que as pessoas não estão CAPTANDO O SENTIDO; ela sabe desenhar muito bem embora não coloque cores neles, obviamente.
Nesse mundo peculiar e com seu jeito diferente de ver as coisas, ela sempre teve problemas em se ajustar. E agora tem que fazer isso sozinha, enfrentando uma grande tragédia pessoal e tem que ajudar seu pai, que não está conseguindo superar a dor. Ambos precisam de um DESFECHO, mas não é tão simples quanto parece, e é nessa jornada que elas nos leva.
O livro é inteiramente narrado por ela, mas somos apresentados a alguns outros personagens que habitam de alguma forma seu mundinho particular. Minha preferida é a Sra. Brooks, que é a professora/orientadora da Caitlin e que  ajuda com a ~coisa~ de Vamos Fazer Amigos.
É uma narrativa tão inocente e ao mesmo tempo tão diferente do que já li que simplesmente não consegui parar de ler: devorei o livro em um dia. Simplesmente não consegui parar de ler, embora soasse como uma maníaca rindo e logo em seguida chorando, mas gente, só lendo para acreditar. Fiz questão de deixar alguns quotes só para vocês terem noção da lindeza (e também porque ajuda a Captar o Sentido, o que com certeza Caitlin aprovaria). O final, que tanto me preocupou é tão lindo que emociona.
É exatamente como eu disse na resenha no goodreads: só existem duas palavras que possam definir Passarinha: Absolutamente Fabuloso. Me arrependo de não ter lido antes, mas fico feliz de ter lido finalmente, e meu único desejo é que alguém, um dia, faça uma adaptação cinematográfica.
Além dessa super recomendação, já fica aqui uma segunda: leia "O Sol É Para Todos", da autora Harper Lee, antes de ler essa lindeza, caso ainda não tenha lido. Em Passarinha há muitas citações do livro e torna a leitura ainda mais legal; mas se ainda não leu, pode mergulhar em Passarinha despreocupado: não existem spoilers do "O Sol É Para Todos". Outra dica para os mais avançados em inglês é que você leia o livro no original, porque tenho a imensa impressão de que muito se perde na tradução, inclusive a referência do nome do livro ("Mockingbird").
Fica aqui a minha humilde indicação de um livro realmente espetacular, e termino esse post com um dos meus quotes preferidos do livro, mas como vocês puderam, são muitos.
Boa leitura pra vocês!
Bjos & Até a Próxima ;)


❤ Lindeza da vida!